Quem Somos:

O laboratório de Mídia e Conhecimento do Campus Araranguá da Universidade Federal de Santa Catarina, o LABMIDIA surgiu  em 2010 para alicerçar ações de pesquisa e produção midiática no Campus,  visando a disseminação de informações e conhecimento.

São realizados Projetos de pesquisa e extensão para apoiar a criação de recursos didáticos para as disciplinas Híbridas presentes no currículo da Coordenadoria Especial Interdisciplinar de Tecnologias da Informação e Comunicação e do Curso de Tecnologia da Informação e Comunicação  do Centro de Ciências do Tecnologias e Saúde do Campus Araranguá.

Projetos Desenvolvidos e Apoiados
pexels-photography-maghradze-ph-3764958 (1)

Este projeto se propõe a investigar o atual cenário da inserção das tecnologias e da informática na educação formal e informal, pública e privada, nos níveis fundamental, médio e superior no cenário contemporâneo. O público alvo dos estudos engloba os gestores das instituições de educação, os professores e os estudantes brasileiros. A maior parte das investigações será realizada nas regiões da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (AMREC) e Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense (AMESC). O estudo da temática Tecnologias Digitais e Arquiteturas Pedagógicas na Educação  se justifica pela crescente evidência de que o uso de tecnologias já se faz presente no dia a dia de todas as pessoas e a escola não pode ficar alheia a este fato, além disso, os dados coletados e os resultados desse estudo podem ser usados como referencial para políticas públicas e intervenções no contexto das tecnologias, em especial as desenvolvidas especificamente para a educação.

Este projeto se propõe a investigar o atual cenário da inserção das tecnologias e da informática na educação formal e informal, pública e privada, nos níveis fundamental, médio e superior no cenário contemporâneo. O público alvo dos estudos engloba os gestores das instituições de educação, os professores e os estudantes brasileiros.

 A pesquisa no âmbito da Chamada MCTI/CNPQ/MEC/CAPES Nº 22/2014 – Ciências Humanas, Sociais e Sociais Aplicadas busca contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico na área das Ciências Humanas extensivo as demais áreas do conhecimento, posto que irá tratar do tema da produção do conhecimento científico contemporâneo na Educação. A mesma possibilitará conhecer os métodos que estão em curso, reconhecendo recursos tecnológicos, mapeando esses recursos, analisando e catalogando. Irá possibilitar aos pesquisadores, especialmente aos que ainda não utilizam potencialmente os mesmos, avançar mais rapidamente no campo das inovações da pesquisa que estão sendo realizadas no contexto digital no Brasil e no Mundo. A análise busca orientar os pesquisadores nas suas opções instrumentais. Paralelamente, compreende-se que a pesquisa irá apresentar importante diagnóstico para os Programas de Pós-Graduação em Educação, especialmente aos que almejam investir em recursos tecnológicos específicos para a pesquisa e ampliar suas possibilidades tecnológicas. Muitos recursos já estão sendo utilizados, contudo não se tem ainda um perfil da área da Educação em relação ao uso de tecnologias em suas pesquisas. Compreende-se que o estudo irá subsidiar os pesquisadores envolvidos para ações de formação docente para o uso dos recursos tecnológicos digitais na pesquisa…
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Patricia Jantsch Fiuza – Integrante / Graziela Fátima Giacomazzo – Coordenador / Alex Sander da Silva – Integrante.

Contribuir na formação de professores para a utilização e a interação de maneira inovadora e crítica com as tecnologias interativas digitais de comunicação considerando a realidade tecnológica, social e operacional em que estão inseridos, buscando o entendimento e o aprimoramento do processo ensino aprendizagem e do impacto que as práticas pedagógicas com as tecnologias digitais podem ter no aprendizado dos alunos..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.

Integrantes: Patricia Jantsch Fiuza – Coordenador / Marcelo Mazon – Integrante / Fernando José Spanhol – Integrante / CLAUDIO JUNIOR LIMA DA ROCHA – Integrante / ROBSON RODRIGUES LEMOS – Integrante / Roberta Ribas Mocelin – Integrante / Tatiana Marcelino de Freitas – Integrante.

Um dos objetivos permanentes da Computação Gráfica é a modelagem visual do mundo físico e de seus diversos fenômenos. Com as Interfaces Multimídia Interativas é possível explorar diversas formas de visualização e interação com mundos virtuais. Com o amadurecimento destas áreas surgiu o aumento da demanda por modelos complexos baseados em física, ou seja, modelos que incorporam princípios físicos. Aplicações de interfaces multimídia interativas em Bioengenharia e Medicina facilitam o entendimento de estruturas biológicas complexas do corpo humano. O presente projeto tem por objetivo principal avançar os processos de modelagem do comportamento e interação de objetos complexos tais como estruturas biológicas do corpo humano. Especificamente, queremos investigar como o modelo de músculo desenvolvido em pesquisa anterior pode ser estendido para a aplicação de interfaces multimídia interativas onde o ser humano possa interagir em um mundo virtual com a deformação de músculos durante o movimento e investigar relações de ativação muscular baseado em parâmetros fisiológicos significativos.

Situação: Em andamento;

Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Robson Rodrigues Lemos – Coordenador.

Translate »